HUMIDADES NO INTERIOR DE HABITAÇÕES E EDIFÍCIOS

Grande parte das humidades que ocorrem no interior das habitações, devem-se a fenómenos de condensação, e não a infiltrações de água provenientes do exterior. Estas humidades manifestam-se através de condensações sobre superfícies frias em geral paredes exteriores e tectos.

Porque ocorrem as condensações

a actividade humana dentro das habitações origina vapor de água através do metabolismo humano, dos banhos, do acto de cozinhar, etc.

o vapor de água produzido no interior da habitação condensa-se nas superfícies mais frias, com especial incidência nos vidros das janelas, paredes e tectos.

As humidades degradam as superfícies, facilitam o desenvolvimento de fungos potenciam a libertação de químicos para o interior da habitação contaminando assim o ar.  A contaminação do ar poderá provocar alergias e certamente reduz o conforto.

Como reduzir o risco de condensação

A condensação pode ser minimizada através da ventilação dos espaços e de um correcto isolamento térmico.

Apresentamos alguns erros e formas correctas de isolar pontos singulares na construção.

Poderá visualizar o vídeo, para melhor entender o fenómeno da condensação.